THOUSANDS OF FREE BLOGGER TEMPLATES

domingo, 15 de novembro de 2009

Morfina

Last night I told a stranger all about you
They smiled patiently with disbelief
I always knew you would succeed no matter what you tried
And I know you did it all in spite of me
Still I'm proud to have know you for the short time that I did
Glad to have been a step up on your way
Proud to be part of your illustrious career
And I know you did it all in spite of me
In spite of me
Late last night I saw you in my living room
You seemed so close but yet so cold
For a long time I thought that you'd be coming back to me
Those kind of thoughts can be so cruel
So cruel And I know you did it all in spite of me
In spite of me

domingo, 1 de novembro de 2009

BrokenHearted

quinta-feira, 29 de outubro de 2009

Fucking George Carlin

O que não mata engorda

Hoje pesei-me. Não vi mudanças.

Courage, the cowardly dog

Quando era criança ela queria ser pintora e, assim, a vida o permitiu. Hoje trabalha num cabeleireiro e faz todo o tipo de pinturas: madeixas, nuances, flash, coloração, descoloração..
A sua vida nunca mais foi monótona.

quarta-feira, 28 de outubro de 2009

Henri Cartier-Bresson

Mais uma viagem ao passado! Esta música já é adolescente...medo, 1995!



Boa nostalgia...devia tê-la tocado nas audições do Crescendo.

terça-feira, 27 de outubro de 2009

Kudos!

É sempre bom saber que alguém fica melhor sem nós.
Queria agradecer aos meus pais. Graças a eles tenho ganho este prémio todos os anos.
Até para o ano!

Vazio...

segunda-feira, 26 de outubro de 2009

fuck love
fuck love by gabbiegalaxie on Polyvore.com

Nevermind...

"Don't try to blow out the sun for me baby
I'm not hoping for what I know you can't be
All that I ask is for a kiss each day
And I'll give you love that'll never go away
Yes I will yes I will yes I will
This girl I wouldn't ask you to lift up this great
Big world little baby
I know that you're not that kind of a girl

All that I ask
Is for a smile or two
And nothing in this world will be too good for you

Never mind now in your heart how much is owed...

Nobody nobody nobody nobody nobody
Nobody knows
How deep my love for you really goes

Cause girl I want you to know
I wouldn't ask you to hold back the dawn, madame George, baby
That's just a little too much to ask to anyone

Never mind now in your heart how much is owed...

All that I ask
is for your loving ways
And I'll keep you happy
for the rest of your natural born days

Never mind now in your heart how much is owed... "

segunda-feira, 19 de outubro de 2009

sexta-feira, 4 de setembro de 2009

Gostava de ser como tu e...

Fazer promessas
desbloquear conversas
e de um momento para o outro...
mudar de opinião
fugir às conversas
desfazer as promessas
sem nunca sofrer uma tentação...

Ofereço o meu coração a quem precisar de fazer um transplante. Não garanto que esteja em boas condições, talvez algumas mazelas...mas bate forte.
Não preciso mais dele.

sexta-feira, 3 de julho de 2009

Para compreendermos o Universo temos que deixar de dar erros ortográficos

"(...)e ainda compreendemos menos enquanto não soubermos escrever decentemente."
In "O Sentido da Vida, A Origem do Universo e outros Contos do Mundo"

domingo, 28 de junho de 2009

sexta-feira, 26 de junho de 2009

O meu vinil do Thriller está a tocar

quinta-feira, 25 de junho de 2009

High Five!

quarta-feira, 24 de junho de 2009

Da Argentina ao Chile

terça-feira, 23 de junho de 2009

Na Terra dos Pés Grandes









ver mais

1ª Regra para se arranjar o/a amante perfeito e diminuir os riscos de se ser apanhado com a boca na botija

-Arranjar alguém que tenha o mesmo nome que o seu parceiro amoroso é o ideal por várias razões, sendo a mais óbvia o facto de não correr o risco de se enganar no nome de nenhuma das pessoas em questão.

-Bónus: se o/a amante tiver o mesmo tipo de emprego que o seu parceiro amoroso.